Festival Europa 61 com filmes gratuitos na internet até ao fim de Novembro

Realizado por Bohdan Karásek, o filme Karel, Eu e Tu fala sobre a estabilidade dos relacionamentos e a opção de um único parceiro para a vida, do ponto de vista feminino e masculino. “Devido a uma crise no casamento, Saša afasta-se de Karel, encontrando um refúgio temporário em Dušan, um velho amigo do casal”, diz o resumo.

Este é um dos filmes que podem ser vistos gratuitamente na internet entre 15 e 30 de Novembro no âmbito da iniciativa Europa 61, ou seja, a Mostra de Cinema Europeu Europa 61, cuja segunda edição não se realizou em Maio, no Porto, como estava previsto, devido à pandemia da covid-19.

Para compensar o cancelamento, os organizadores do festival (Representação da Comissão Europeia em Portugal e rede European Union National Institutes for Culture) decidiram criar uma versão online com filmes gratuitos através da plataforma Jangada-VOD (uma plataforma de streaming a operar a partir de Paris e inicialmente pensada para os cinéfilos do Brasil).

​”Os sete países europeus representados neste festival têm o prazer de oferecer ao público português o melhor da sua produção cinematográfica independente, com sete olhares diferentes, compilando sete histórias oriundas da Áustria, França, Hungria, Luxemburgo, Polónia, Portugal e República Checa, que diluem as fronteiras territoriais e celebram a cidadania europeia”, informa o Europa 61, que prevê regressar às condições normais já em 2021.

Além de Karel, Eu e Tu, destaca-se também a comédia Ramiro, do realizador português Manuel Mozos, sobre um vendedor de livros de Lisboa e poeta com um bloqueio criativo.

%d bloggers like this: